2 de junho de 2013

Permita que Deus nasça em seu coração

Para receber Jesus no seio de sua casa, a primeira coisa que você deve fazer é acolhê-Lo no seu coração. É preciso se preparar para receber Jesus e a Palavra de Deus é a melhor forma para isso.

Quando ouvimos essa Palavra, a vontade que temos é de entrar nela, porque imaginamos como seria ver o nascimento do Menino Jesus, como seria encontrar José e Nossa Senhora. Quantas coisas teríamos feito se estivéssemos lá! Isso é contemplar, é viver a mesma experiência de quem estava lá.

Devemos nos alegrar com o Menino que nos foi dado para a nossa salvação. O nascimento de Jesus, naquela manjedoura, foi sinal de que Ele era o enviado de Deus.

Há várias maneiras de contemplar: quando você reza o terço, pode contemplar os mistérios pelos olhos de José, de Maria, dos pastores; assim, vai tentando imaginar, passo a passo, a história de Jesus. É como fazer memória de todos os acontecimentos. Mais do que somente lembrar, é uma lembrança alegre que torna o passado mais presente do que quando ele foi vivido.

O nascimento de Jesus pode ser mais presente para nós do que para os pastores que estavam lá. Eles sabiam que nasceria um menino enviado por Deus, mas não sabiam que Ele era o Filho de Deus, enviado pelo próprio Espírito Santo.

Quando fazemos memória, Jesus se torna vivo em nosso coração. Não é presença de lembrar, mas presença real. Deus deu a Maria a graça de gerar Jesus pelo Espírito Santo, para que soubéssemos que, todas as vezes que abrimos nosso coração e confiamos em Deus, Jesus se torna presente nas nossas vidas.

Ouvir e obedecer a Deus faz Jesus nascer em nossos corações; e quando isso acontece, significa o começo de uma nova vida. Para cada ser humano, o princípio da vida é a partir do momento em que Cristo foi imolado por Ele, é quando Jesus é sacrificado por Ele.

E quando acontece esse sacrifício? Quando a pessoa reconhece a graça e se torna consciente da vida que lhe foi dada por aquele sacrifício.

Quando reconhecemos que Jesus morreu para nos salvar, que por nossos pecados Ele foi sacrificado, a partir daí a graça nos liberta e nos purifica de todo mal, de todo pecado, e nos torna puros e santos.

Por isso pergunto: "Quem é Jesus para você? Qual é a sua consciência diante do que Ele fez para que você pudesse ter uma nova vida? Qual a manjedoura que você está preparando para a chegada do Senhor? Você está preparando o seu coração para receber Jesus, Aquele que pode e quer salvá-lo?"

Há uma passagem na Sagrada Escritura, a qual diz que Jesus enviou seus setenta e dois discípulos, dois a dois, a frente d’Ele, para todas as cidades em que Ele ia passar. Fez isso para que eles pudessem preparar as manjedouras de cada cidade para receberem o filho de Deus. O seu coração precisa ser a manjedoura onde Jesus vai nascer.

São Gregório Magno explica por que Jesus mandou os discípulos de dois em dois: “Porque menos que entre dois não pode haver amor.” Jesus mandou dois a dois para que o amor estivesse entre eles. O amor é o sinal que nos identifica como discípulos de Cristo, porque onde há o mínimo de amor Deus está presente. Isso se aplica a todos os cristãos, sobretudo, para pai e mãe.

A primeira evangelização começa em casa, é lá o primeiro lugar para o qual precisamos levar Jesus. Precisamos ensinar essa Palavra aos que estão à nossa volta, mostrar que eles podem ter uma nova vida por causa de Jesus. Nosso Senhor Jesus Cristo nasceu para nos dar uma vida nova, morreu para nos garantir essa vida e, na sua ressurreição, Ele nos deu a Sua própria vida.

Então, não se desespere, porque existe Alguém que pode salvá-lo, cuidar de você. alguém que nasceu para você e pode nascer no seu coração, basta você querer.

A nossa salvação começou naquela manjedoura, hoje é dia de entender que Jesus nasce para nos salvar.

Deixe Jesus nascer no seu coração, permita que Ele seja tudo na sua vida. Prepare a manjedoura para recebê-Lo com amor, carinho e gestos de paz.  Prepare seu coração e, com amor, anuncie Jesus.


Márcio Mendes
Membro da Comunidade Canção Nova


Nenhum comentário:

Postar um comentário