5 de setembro de 2014

Sobre o incenso:

O incenso é algo tido para muitos como algo que incomoda. Seu cheiro nao agrada a muitos, pois bem, é verdade que nao é para agradar aos homens, e sim a Deus! 
Seu uso se é próprio do Culto Sagrado! É um costumo antiquíssimo herdado do Judaísmo, quando o sumo sacerdote ofertava diante do "Santo dos santos", isto é, o local onde se encontrava a Arca da Aliança, e ali deixava queimar o incenso em honra ao Senhor. 
O significado do incenso é belíssimo, ele simboliza nossas preces, que suavemente sobem aos céus como sua fumaça. E ao chegarem a Deus são como uma  frangancia.
Na Liturgia Católica o incenso recebe o mesmo significado e ainda ganha a função de honrar aquilo que traz o sagrado em si, exemplo: o Santíssimo Sacramento exposto, o Altar, sinal do Cristo que ofereceu no seu corpo o sacrifício único, perfeito e incomparável, a pessoa do Sacerdote, que age na pessoa de Cristo, e nós que somos Templos do Espírito Santo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário